Saxofonista Jackie Mclean é o homenageado da edição de junho do projeto Sexta Jazz AF

Concerto ocorre nesta sexta-feira (16) com entrada gratuita no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis O músico, compositor e educador Jack McLean, natural de Nova York, é considerado como a quintessência do saxofone hard bop, sendo um dos poucos veteranos a navegar pelas ondas das novas ideias do movimento do free-jazz. E será essa trajetporia musical que será revisitada na quarta edição do projeto Sexta Jazz AF de 2017, que ocorre nesta sexta-feira (16), às 20h45, na sala Lindolf Bell, no CIC, em Florianópolis.

Com entrada gratuita, o concerto será apresentado pelos músicos Tiê Pereira (baixo), Mauro Borghezan (bateria), Leandro Fortes (guitarra) e Maycon de Souza (saxofone). “Após a morte de seu pai, em 1939, Jack teve sua educação musical continuada por seu padrinho, seu padrasto e vários professores notáveis. Ele também recebeu tutoria informal dos vizinhos Thelonious Monk, Bud Powell e Charlie Parker”, relata Tie Pereira, curador do Sexta Jazz AF. Jack gravou com dezenas de músicos bem conhecidos e tinha uma visão aguçada para detectar talentos. Além do imenso legado musical, Jack , falecido em 2006, foi importante também na luta pela preservação da arte e da cultura da diáspora africana. O Sexta Jazz AF é uma realização da Aliança Francesa de Florianópolis, Ministério da Cultura e Governo Federal. Conta com patrocínio da Engie Brasil Energia, através da Lei de Incentivo à cultura. Apoio: Associação Catarinense de Integração do Cego, Fundação Catarinense de Cultura, Governo do Estado de Santa Catarina. Coordenação: Marte Inovação Cultural

Serviço: O quê: Sexta Jazz AF – #34 Quando: 16 de junho Horário: 20h45 Local: sala Lindolf Bell – CIC – Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica, Florianópolis Entrada Franca – Sujeito à lotação da sala. Acessibilidade: Recurso de Audiodescrição disponível via FM (necessário levar rádio e fones)

Copyright © 2019 | Atré Comunicação Personalizada