Músico e escritor Bruno Manfra lança livro de poesia em Florianópolis

Evento ocorrerá no Teatro Álvaro de Carvalho, no dia 31 de maio

O nosso desenvolvimento ocorre, segundo o pensador Lev Vygostsky, a partir das relações que estabelecemos. Para ele, os impactos sobre a cultura e a sociedade, as quais se desenvolvem através do tempo, são construídos pelas relações sociais. E foi exatamente com base em suas relações pessoais que nasceram as mais de 40 poesias que compõem o livro “o rio que naquele espelho vi”, que será lançado no dia 31 de maio, pelo artista Bruno Manfra. O lançamento acontece às 19h30, no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC), em Florianópolis, e irá misturar música e literatura autoral e criativa.

Bruno passou a registrar suas fronteiras, seus sentimentos e pensamentos e assim dar vazão às impressões acumuladas durante sete anos. Como se mensagens fossem psicografadas, seus poemas tomam forma e cor. Seu processo de criação se dá de maneira intuitiva e seus poemas não são permeados por uma linguagem linear.

Com tiragem de 1500 exemplares, o livro tem como um de seus destaques a utilização de métricas e versos orientais. Além disso, seu processo intuitivo e emotivo de criação tem, sobretudo, a importante missão de apontar e incorporar outros modos de ver, sentir, ser e estar no mundo. “Se tiver que apontar uma favorita entre todas, talvez poderia citar "A VELA", que trata da impermanência da vida”, explica Manfra.

De acordo com Daniel Mendonça, jornalista responsável pela apresentação do livro, “o rio que naquele espelho vi” mostra como a escrita, além de transformar experiência em linguagem, pode fazer o contrário: tornar a linguagem em uma experiência, em um experimento. “Mais do que traduzir o mundo, a linguagem inventa outro mundo (ou vários)”, avalia.

Radicado em Florianópolis, Bruno é natural da cidade de Lins, interior de São Paulo, mas tem forte ligação com Santa Catarina, onde se estabeleceu, primeiramente, em Criciúma, Sul do estado. Na cidade, o artista montou sua primeira banda de música autoral.

Disco Autoral

Com 9 faixas, “Sobre o Voo dos Elefantes” é bem esmerilhado e pede atenção por suas justaposições. No acústico dueto “Do Alto da Solidão”, com Meliza Machado, Manfra detalha uma relação sem abandonar o banal – seja na conversa de bar, ou naquele papo de ‘ter um samba claro pra cantar’. “Não Somos Deuses” é um grito de liberdade contra o idealismo quase religioso que influência o correr de nossas vidas. O álbum foi gravado por Manfra em parceria com Felipe Melo no OPA! Music, em Florianópolis. A mixagem e masterização ficaram por conta de Fernando Sanches, do El Rocha, em São Paulo.

A banda para apresentação será formada por Bruno Manfra (voz, violão e guitarra), Piero Diogo (contrabaixo), Bruno Arceno (guitarra), Carlos Schmidt (trombone), George Farias (trompete) e Fernando Montagna (bateria). Participações especiais de Daniel Mendonça (ukulelê), Éverton de Almeida (guitarra), Lucas Pasquini (guitarra) e Meliza (backing vocal).

No lançamento, o livro, que tem patrocínio da Special Dog, realização Ministério da Cultura e Harmônica Arte e Entretenimento, será distribuído gratuitamente. Além disso, ele será entregue em escolas, bibliotecas e universidades.

Serviço

Data: 31 de maio de 2016

Horário: 19h30

Local: Teatro Alvaro de Carvalho (TAC)

Ingressos: R$ 20,00 (Inteira) e R$ 10,00 (Meia)

Ponto de venda: Bilheteria do Teatro.

Copyright © 2019 | Atré Comunicação Personalizada